quarta-feira, 23 de março de 2011

Que palavra feia, por Bella.


"Estava eu com a minha filha Isabella, no caótico trânsito de São Paulo, quando um carro se arremessou na minha frente e eu falei em alto e bom som: P....Q....Pariu!!!

A minha filha me disse na hora: Mamãe você devia ter vergonha de falar uma palavra tão feia dessas..."

Educar essas crianças de hoje, é um desafio, porque minha mãe se preocupava em ensinar que essas "palavras" eram nome feio, palavrões, etc. Para minha filha nem preciso dizer, ela quem me corrige, mas o maior desafio está em contornar essa situação.
Tive que explicar que falei sem pensar, que fiquei nervosa, que as pessoas erram! Ufa....

beijos, Adri (envergonhada).