quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Crônicas de uma Mãe-Coruja, NÃO é NÃO!

 
"Crônicas de uma Mãe-Coruja, Não é Não!
 
Eis que acho um bilhetinho no quarto da minha filha escrito:
 
NÃO É NÃO
SIM É SIM
 
Como Mãe-Coruja que sou comecei a rir na hora. E logo me veio a reflexão
sobre o motivo que a levou escrever o bilhete.
 
Ela está exteriorizando que para ela não existe só o não é não,
mas provavelmente quando digo não, ela quer me responder:

- SIM É SIM!
 
A famosa questão em dizer não aos filhos, acho que já é pacífico em levantar a bandeira:
 - Quem ama educa e dizer NÃO é uma prova desse amor.
E ainda, acrescentar ao não uma longa e detalhada explicação,
pois do contrário entra por um ouvido e sai pelo outro.
 
Na prática sabemos que se não explicarmos os motivos da negação a criança simplesmente ignorma o aprendizado.
 
Tem também a famosa neurolinguística que ensina a usarmos frases positivas no lugar das negativas e que o cérebro simplesmente não processa o não em uma frase.
 
Bem, concordo com tudo isso!
 Mas, ultimante tenho feito diferente em casa.
 
Tenho falado o NÃO em alto ( ás vezes baixo) e bom som e algumas vezes o
NÃO é NÃO!
 
A vida vai dizer aos nossos filhos milhares de nãos, muitas negativas aos vossos desejos, frustações, decepções sempre ilustrados com um NÃO maísculo e em letras garrafais.
 
Que tal deixarmos as crianças provarem logo desse NÃO é NÃO no conforto da infância e do lar.
 
A vida lá fora não irá se importar com nossas crianças já crescidas e muito menos em dar explicações,
 
NÃO é?"
 
Adriana P.

Créditos da Foto